Ten Cel Cunha Rolim expõe opinião sobre lei prevê a venda e consumo de bebidas alcoólicas no Estádio José Cavalcante

Dando continuidade ao debate que envolve a venda de bebidas alcoólicas no Estádio Municipal José Cavalcante, recentemente a discussão chegou à Câmara Municipal de Patos e na oportunidade o Ten Cel Cunha Rolim (Polícia Militar), se pronunciou sobre o tema e parabenizou a casa legislativa pela abertura de conversar sobre o assunto.
Rolim disse que o fato de muitos vereadores não terem votado a favor mostra que houve certa reflexão sobre a pauta, que consequentemente levou a alguns parlamentares a não concordarem com a aprovação da lei que liberaria o consumo e venda de bebidas alcoólicas.
Ele ainda pontuou que muitos incidentes violentos já ocorreram dentro dos estádios da Paraíba, por motivo da venda e consumo de bebidas alcoólicas.
Rolim ainda ressaltou que quando mencionou que a Polícia não iria cumprir a lei caso fosse aprovada, não teve a intenção de afrontar a câmara. Ele pontuou que existe uma hierarquia das leis, e que acima de qualquer lei municipal existem as leis estaduais e federais.
“No momento em que uma lei municipal é conflitante com a legislação federal, não deve ser cumprida, pois está abaixo da maior”, garantiu.
Por último, ele lamentou a inércia da iniciativa privada de Patos que não apoia como deveria os clubes de futebol da cidade, uma vez que estes precisam recorrer a venda de bebidas alcoólicas para se ter uma fonte de renda.

 Adilton Dias 

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário