Sales Júnior se reúne com presidentes do CRM/PB e SBC em busca de melhorias no atendimento à saúde da população

O prefeito interino de Patos, Sales Júnior, juntamente com o secretário de saúde do município, Umberto Joubert, esteve reunido neste sábado, dia 25 de maio, com o presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, Marcelo Queiroga, e com o presidente do Conselho Regional de Medicina da Paraíba, Roberto Margliano de Morais.

Foram discutidas melhorias de atenção cardiovascular na atenção primária, a exemplo da política que dispensa medicamento para o tratamento da hipertensão arterial; política pública para o atendimento do infarto do miocárdio com medicações específicas; a pressão arterial nas crianças, uma vez que pode ser implantado em Patos o programa de prevenção da obesidade infanto juvenil, programa já implantado em São Paulo e tendo início de sua implantação em Goiás, além da instalação da Rede Telemedicina nas Unidades Básicas de Saúde da cidade.

Sales Júnior fez uma avaliação positiva da reunião, uma vez que a saúde está sendo a prioridade na gestão em busca da melhoria no atendimento para a população.

"Alguns pontos e propostas foram apresentados com o intuito de aproximar mais esses órgãos com o município de Patos. Temos como meta a saúde sendo prioridade na nossa gestão, então, foi uma discussão muito produtiva. As propostas apresentadas foram em nível estadual e federal que podem ser implementadas (programas) em nosso município com o intuito de facilitar o acesso à saúde daqueles que mais precisam", disse.

De acordo com Marcelo Queiroga, a doença cardiovascular é a principal causa mortis no país, com mais de 300 mil mortes/ano no Brasil.

“Para que a cidade de Patos tenha uma qualidade nessa assistência, será necessário tratar desde a saúde primária, ou seja, na Unidade Básica de Saúde, além da implantação de uma Rede de Telemedicina para oferecer o suporte aos médicos generalistas, os da Saúde da Família que estão nas 42 UBS’s levando o apoio da consulta do cardiologista buscando melhorar os indicadores desfavoráveis de saúde pública no município de Patos”, informou.

A reunião também objetivou alertar quanto aos problemas detectados na Maternidade Peregrino Filho, no Hospital Regional e Hospital do Bem, assim como explicou o presidente do CRM/PB, Roberto Margliano de Morais.

“Nós sabemos que esses hospitais são da Rede Estadual, mas o prefeito nos falou que tem uma responsabilidade muito grande com as Unidades Básicas de Saúde e as UPA’s e, nós, nos colocamos à disposição da Prefeitura para, de alguma forma, colaborar com alguns projetos que podem ser muito interessantes para a cidade de Patos. Nós discutimos alguns desses projetos e um deles ainda está no território da semente e que pode marcar a história da medicina na cidade de Patos”, afirmou.

Margliano confirmou que Patos poderá receber a instalação de uma Delegacia do CRM para servir de suporte aos médicos.

Já o secretário de saúde do município de Patos, Umberto Joubert, garantiu que a cidade poderá receber, em curto prazo, boas notícias em nível de UBS e de SAMU e que, o presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia disponibilizou para o município os programas da SBC, de acordo com o cronograma que será criado.

“A gente vai fazer um cronograma para que esses profissionais venham a Patos para capacitar nossos médicos da atenção básica. Então, realmente fiquei muito feliz, o prefeito Sales colocou à disposição a prefeitura, a importância também da segurança do médico. Isso foi um pleito que o Marcelo Queiroga juntamente com Roberto Magliano vão entregar essa demanda, em mãos. Nós já mandamos ofício para o 3º Batalhão e eles vão entregar em mãos ao responsável em nível estadual para que a gente tenha uma melhor proteção dos profissionais médicos e também de toda nossa equipe de saúde”, explicou.

Sales Júnior:
 
Umberto Joubert:
 
Roberto Margliano - presidente do CRM PB:
 
Marcelo Queiroga- presidente da SBC:
 

Coordecom 
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário