Marcação cerrada: Goia e Lucinha afirmam que as cobranças continuam

A vereadora Lucinha Peixoto (PC do B) e o vereador Ederlan de Oliveira, vulgo Góia (PV), em contato com nossa reportagem, reafirmam apoio ao prefeito interino Ivanes Lacerda (MDB), mas ressaltam que cobranças continuarão, que nada irá mudar a postura que sempre tiveram. 

Lucinha Peixoto cobrou do prefeito interino de Patos, a auditoria relativa a arrecadação de mercados e matadouros que, segundo a parlamentar, fora prometida logo após a sua posse.



Edelan (goia) por sua vez cobrou mais transparência no PL do executivo que trata do remanejamento de rubricas, e afirmou que os vereadores não são contra o projeto, mas sim, contra a retroatividade e, se os servidores ficarem sem receber os salários, eles não podem ser responsabilizados.  



Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário