Emenda: Vereador Goia afirma que não podemos pagar por erro de terceiros

O Vereador Ederlan Oliveira (Goia), que ocupa o cargo de relator da comissão de finanças da Câmara Municipal de Patos, afirmou que no seu parecer  ele se posiciona contra a retroatividade do remanejamento de dotações orçamentárias para o dia 01 janeiro, porque no seu entendimento foi cometido crime de responsabilidade pelos dois últimos gestores, Bonifácio Rocha (PPS) e Sales Junior (PRB), que desrespeitaram a constituição federal no Art. 167 e lei orgânica  do municipio no Art. 133, e por isso decidiu apresentar a emenda, visando perseverar os pares daquela casa legislativa de cometerem um equívoco.

Goia ainda informou que irá usar a tribuna na sessão ordinária de hoje (05), para mostrar as inconformidades detectadas por ele no projeto, e tentar com seus argumentos convencer os colegas que divergem da sua emenda para que mudem de ideia.

“Não podemos pagar por erro de terceiros, não posso compactuar com a irresponsabilidade de ninguém, por isso apresentei essa emenda”, afirmou o Vereador.

Segundo a Presidente da Câmara, Tide Eduardo (MDB), tanto o projeto de remanejamento como a emenda, serão colocados mais uma vez em pauta na sessão de logo mais à noite.


Assessoria 
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário