Ruas de Patos completamente vazias na tarde desta terça-feira, 24 de março

Não tendo outro caminho mais eficaz para enfrentar a onda da pandemia do coronavírus, o patoense aos poucos vai caindo na real e entendendo a necessidade de ficar em casa, pelo menos pelos próximos quinze dias, quando é possível ter um panorama mais completo da doença, sabendo inclusive do grau de alastramento em nossa região.
Alguns reclamam, pois suas atividades, essenciais para garantir o pão de cada dia, necessitam sair de casa, no entanto, suas vidas e as de seus familiares podem estar em risco caso eles sejam contaminados pelo Covid-19.
Na tarde desta terça-feira, 24 de março, nosso colaborador Maciel Alves fez imagens das ruas do Centro de Patos completamente vazias. A Avenida Solon de Lucena, coração do comércio de Patos, estava praticamente deserta.
Os estabelecimentos abertos são aqueles que se encaixam no perfil dos autorizados dentro do Decreto do prefeito de Patos para permanecerem em funcionamento.
É estranho, mas real e necessário, afinal estamos enfrentando um inimigo invisível, silencioso e mortal, e nossa única arma no momento é se esconder do mesmo.
Patosonline.com   
Fotos de Maciel Alves


Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário