Sindicalista confirma paralisação do dia 5, mas diz que greve depende da resposta positiva ou não da gestão municipal. Ouça

Por deliberação dos servidores municipais de Patos, na próxima sexta-feira, dia 06 de março, o SINFEMP vai deflagrar greve por tempo indeterminado em razão das demandas que o prefeito interino, Ivanes Lacerda, está se negando a dar atenção, como afirmou o sindicalista José Gonçalves.
“Nós tentamos a todo momento construir uma proposta decente para os servidores, sem inviabilizar o serviço público e ao mesmo tempo a vida do servidor, mas não conseguimos isso com a gestão municipal. Nesse sentido, deliberamos essa greve a partir do dia 06”, explicou.
Gonçalves disse que na tarde de hoje, segunda (02), iria ter uma reunião com o comando de greve, e no dia 5, quinta-feira, o sindicato realizará a paralisação geral e ainda estará lançando a Campanha Salarial 2020, que tem como tema: RESISTIREMOS NA LUTA.
Ainda nesse contexto, o sindicalista adiantou que o SINFEMP encaminhou para o prefeito a pauta de reivindicações, e ao mesmo tempo externou o interesse de se reunir com Ivanes Lacerda, no sentido de discutir a pauta específica do aumento salarial.
Ainda em se tratando da paralisação do próximo dia 05, José Gonçalves disse que vai mesmo ocorrer, e se até lá o prefeito interino não tiver sinalizado em nada, a greve por tempo indeterminado terá início de imediato no dia seguinte, sexta (06).
Mesmo se houver greve, o sindicalista garantiu que os serviços essenciais, sobretudo na saúde, serão mantidos em funcionamento.
Ouça mais detalhes no áudio que segue abaixo.
Matéria por Patosonline.com
Áudio – Adilton Dias (colaborador)
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário