Luciano deixa vaga no Senado para última hora

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), evitou comentar, nesta terça-feira (31), a imposição do PSC por uma vaga na chapa majoritária em troca do apoio à pré-candidatura de Lúcélio Cartaxo (PV) ao Governo do Estado. O presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo condicionou a aliança à candidatu
ra de Manoel Junior ao Senado.
Mesmo com a cobrança, Cartaxo deixou claro que articula união com outras siglas, e que a definição pode acontecer, inclusive, às vésperas da convenção do seu partido, agendada para este domingo (5).
“Estamos dialogando com todos os partidos que querem apoiar a pré-candidatura de Lucélio e Michelline Rodrigues (PSDB). Muito diálogo, paciência e mostrando o que a gente pode fazer pelo Estado. A gente vai finalizado esse diálogo e no domingo fecha a chapa”, destacou.
Cartaxo destacou que respeita a autonomia dos partidos e que as conversas estão sendo mantidas com o clã Gadelha, que comanda o partido na Paraíba, para viabilizar uma aliança.
Ele ainda descartou mudanças nos nomes que já foram inseridos a composição majoritária e afirmou que também negocia com o Progressistas. “Já temos três nomes na chapa e falta apenas a quarta indicação que é a vaga de senador”, afirmou.

Mais PB
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário