Prefeito de Patos alega crise financeira, mas nomeia esposa de deputado e irmã de vereador

O prefeito de Patos, Bonifácio Rocha alardeia pelos quatro cantos da cidade, principalmente, durante entrevistas à imprensa local, que a cidade enfrenta crise financeira. Ate aí tudo normal. De fato, não só Patos, mas os municípios brasileiros passam por dificuldades. Porém, o momento exige corte de gastos e enxugamento da máquina. Não é a regra seguida pelo prefeito.
O semanário do município traz a nomeação de Germana Nunes, esposa do deputado estadual, Dr. Érico e da irmã do vereador, Diogo Medeiros. O que chama a atenção, é o salário da irmã do vereador Diogo, Raquel Medeiros, que passa de R$ 6 mil, conforme o sagres.

Enquato isso, a população reclama da falta de medicamentos e insumos na cidade. Além disso, a banda de música está sem fardamento, sem local para ensaiar e os salários dos garis estão atrasados, segundo relatos de moradores do município.

Com Anderson Soares
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário