Previdência: Bolsonaro quer atender pedido de primeira-dama sobre pensão para deficientes

O presidente Jair Bolsonaro defendeu hoje (31), que seja retirado da proposta da reforma da Previdência um item que prevê que, deficientes físicos com grau grave ou moderado e deficientes intelectuais de qualquer grau, deixem de receber o benefício integral de pensão em caso da morte dos pais.
A mudança no texto é um pedido da primeira-dama Michelle Bolsonaro e presidente diz que a solicitação é ‘irrecusável’.
Hoje, todos os deficientes, independentemente da gravidade da deficiência, têm direito ao benefício integral. O texto da reforma, em tramitação na comissão especial da Câmara, enquadra todos os deficientes na nova regra que prevê o pagamento de apenas 50% do valor da pensão por morte, mais 10% por dependente.
Se o pedido de Michelle for atendido, apenas os deficientes físicos leves serão enquadrados na nova norma.

Fonte83
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário